terça-feira, 1 de junho de 2010

Leitores opinam!







Cartas dos Leitores


Face a Face

A respeito da participação da secretária de Estado da Educação, Milca Severino, no Face a Face do POPULAR, gostaria de saber como a maior representante da educação no Estado não tem explicação para o fato de o professor receber menos que um profissional de nível fundamental da saúde? Mesmo porque o concurso para professor que prevê este absurdo foi realizado na atual gestão.

Ou seja, a secretária teve a oportunidade de mudar este quadro e não mudou. A argumentação de que “existe um passivo histórico com a educação brasileira de mais de cem anos” é verdadeira, mas tem sido uma desculpa recorrente de nossos representantes para não apresentar soluções imediatas aos problemas da educação, entre eles o descompromisso do Estado com a valorização da carreira de professor.

Se, por um lado, o Estado acerta em manter 56% de nota mínima para aprovação no concurso, por outro, erra na contrapartida de um salário justo para nível superior.

FÁBIO HIROITE NUNCA
Jardim América – Goiânia


Gostaria de comentar o sistema desenvolvido pelo POPULAR para dar voz ao cidadão: o Face a Face é um dos melhores projetos jornalísticos de que tenho conhecimento. Por meio da ferramenta, o leitor faz perguntas diretas aos entrevistados de forma simples e interativa, evitando-se, assim, “ruídos” no processo de comunicação e permitindo que os questionamentos sejam feitos sem intermediações desnecessárias ou moderações excessivas.

Sabemos, contudo, que respostas vagas, esquivas, incoerentes ou mesmo absurdas, não são raras da parte dos questionados. Ocorre que este jornal disponibiliza outro canal de comunicação que fecha o circuito: a coluna Cartas dos Leitores, na qual as respostas são contestadas, rejeitadas e até desmentidas pelo cidadão.

Desta maneira, evita-se que o entrevistado diga o que quiser sem correr o risco de ser contradito. Configura-se, portanto, um processo muito bem estruturado cujos insumos são as perguntas dos cidadãos via Facebook, respondidas pelo entrevistado no Face a Face, tendo como produtos finais os contraditórios publicados nas cartas dos leitores.

O POPULAR está de parabéns pela iniciativa.

MARCELO MELGAÇO
Jardim Goiás – Goiânia


Filas na Rua 90

Quando será que a AMT disciplinará o tráfego de veículos em frente ao Ipasgo na Rua 90, Setor Pedro Ludovico. A enorme fila aguardando vaga no estacionamento enseja acidentes e estrangula o trânsito na região. Por que não mudar a entrada da garagem para a Avenida Areião?

PEDRO DE ALCÂNTARA
Setor Pedro Ludovico – Goiânia


Dia mundial do meio ambiente

Neste 1º de junho tem início a Semana do Meio Ambiente, já que no dia 5 é o Dia da Ecologia, propriamente dito. É um dia de conscientização, de meditação e de uma avaliação do que estamos fazendo para melhorar o ecossistema e nos curvar diante dos erros cometidos. Preservar o meio ambiente é importante para que possamos ter um planeta saudável e rico em recursos naturais no futuro.

Vamos aproveitar esse dia e listar quantas ações poderemos fazer com amor e dedicação em prol da natureza, e no sentido de colaboração e de preservação do meio ambiente. Se todo mundo fizer um pouquinho, podemos contribuir com um montão para o mundo.

MÁRCIO MANOEL FERREIRA
Jardim Novo Mundo – Goiânia


Ministério Público

Sobre a resposta do chefe da Ascom do MP-GO, Ricardo Santana, tenho a dizer que para o cargo de Técnico Jurídico foram abertas 31 vagas e apesar de terem convocado até a posição 53, nos quadros do MP-GO constam apenas 28 Técnicos Jurídicos.

Se chegou na posição 53 é por desistência e exoneração dos que já foram nomeados.

SÉRGIO RICARDO NEVES ROMANO
Setor Universitário – Goiânia

Nenhum comentário:

Postar um comentário