terça-feira, 20 de julho de 2010

Marconi: emoção com a receptividade!





Política & Justiça


Receptividade emociona Marconi
Candidato ao governo da coligação Goiás Quer Mais reúne multidão em caminhada na Vila Canaã e Cidade Jardim
20 de Julho de 2010

Da Redação

Sinais claros de aprovação popular entusiasmaram ontem o candidato da coligação Goiás Quer Mais, Marconi Perillo (PSDB), em mais uma caminhada nas ruas de Goiânia. O bairro escolhido pelos organizadores, a Vila Canaã, concentra grande quantidade de lojas. Marconi cumprimentou populares ao longo da Avenida Aderup, principal via comercial da Vila Canaã e da Cidade Jardim. Além da senadora Lúcia Vânia (PSDB), participaram da caminhada os deputados estaduais Honor Cruvinel (PSDB) e Valdir Bastos (PR), que recusou a apoiar o candidato a governador do partido dele , Vanderlan Cardoso, para apoiar Marconi.

Em estratégia combinada com o candidato a governador, senador Demóstenes Torres (DEM), que pleiteia ser reeleito, passava um pouco atrás da comitiva reforçando pedido de voto.

No trajeto de aproximadamente três quilômetros, ao longo da Avenida Aderup, Marconi recebeu manifestações de carinho. Uma moradora da Cidade Jardim, Geralda de Jesus, correu para o candidato, quando a comitiva passada, para desejar sorte e comprometer o voto dela e de toda a família. “Eu adoro ele. Se o Marconi candidatar-se 100 vezes eu voto nele 100 vezes”, dizia.

No momento em que Marconi passava por um ponto de ônibus, próximo ao trecho da avenida onde abrigam-se os ferro-velhos da Canaã, um grupo de quatro crianças, na faixa etária de 6 a 9 anos, correu para abraçar o candidato. Eram Cristielle, Junia, Lourinha e Luana, todas moradoras do Parque Oeste Industrial. “Marconi, Marconi, Marconi”, gritavam abraçadas ao senador.

Mais adiante, uma eleitora, Luciana Alves, aparentando ter 40 anos, moradora de Aparecida de Goiânia, interceptou Marconi quando ele visitava um açougue na avenida. Além de cumprimentar o tucano com abraço e beijo no rosto, disse que seu maior sonho era encontrá-lo para desejar sucesso. “Já ganhou!”, gritou ela.

Na comitiva de Marconi estavam prefeitos e ex-prefeitos, além de candidatos deputado.

Ao final do evento, visivelmente satisfeito com a receptividade dos eleitores, Marconi Perillo agradeceu à equipe de organização e falou à imprensa sobre a visita do presidenciável José Serra hoje a Goiás. O candidato profere palestra a empresários na Fieg, concede entrevista a veículos de comunicação e participa, às 15 horas, ao lado de Marconi, de caminhada na Rua 4, Centro.


Compromisso em retomar obra do Centro de Excelência

O candidato ao governo do Estado pela Coligação Goiás Quer Mais, Marconi Perillo, afirmou que, eleito, vai retomar as obras de construção do Centro de Excelência Esportivo. O compromisso foi assumido ontem durante encontro com mais de 100 lideranças esportivas no escritório político do candidato a deputado estadual Tales Barreto (PTB), no Setor Sul.

Marconi respondeu aos adversários que tentam imputar-lhe responsabilidade pela paralisação das obras do Centro de Excelência e pela demolição do Estádio Olímpico. “Deixei o governo em março. O Estádio foi demolido em junho. No orçamento deste ano, a bancada federal destinou R$ 11 milhões para o andamento das obras do Centro de Excelência. O dinheiro está depositado na Caixa Econômica Federal. O que falta, portanto, não é dinheiro, é competência. Em meu governo reformei o ginásio Rio Vermelho, dando-lhe condições de sediar importantes competições nacionais. Se não fizeram nada, a culpa não é minha. O que posso garantir é que, se for eleito, a partir de janeiro começarei a agir para terminar o Centro de Excelência”, disse.

Apoio

Os elogios e o desejo de que Marconi vença a disputa pelo governo de Goiás no dia 3 de outubro foram compartilhados pela coordenadora da Conferência Nacional do Esporte, Nair Patrícia Campos Álvares. “Temos hoje em Goiás mais de cinco mil pessoas diretamente ligadas ao esporte. São pessoas conscientes da necessidade de termos Marconi no governo para desenvolvermos todas as modalidades esportivas em Goiás.

Marconi afiançou que investirá maciçamente na formação e no treinamento dos atletas goianos através do fortalecimento das federações esportivas. “Queremos dar show nas Olimpíadas com os nossos atletas. Vamos iniciar imediatamente esse trabalho para que cheguemos às Olimpíadas com o maior número possível de atletas em condições de ganhar medalhas.”

Eleitor demonstra carinho ao encontrar Demóstenes

O senador Demóstenes Torres (DEM) participou, no final da tarde de ontem, de mais uma caminhada da coligação Goiás quer Mais, desta vez na Vila Canaã. Entre milhares de pessoas que recepcionaram o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), três chamaram a atenção. Trabalhadores das ruas de um dos setores mais tradicionais de Goiânia, eles declararam votar no senador por motivos diferentes, mas com um sentimento em comum: Demóstenes proporciona mudança para melhor na política brasileira.

A aposentada Berenice Melo, de 60 anos, puxou Demóstenes para um abraço enquanto o senador cumprimentava os pedestres da Avenida Aderup. Mal terminaram os cumprimentos, Demóstenes recordava o tempo em que Berenice trabalhava no Ministério Público, mas a senhora mal deixava o senador falar. “É uma obrigação dos goianos reeleger o senhor”, dizia a aposentada. “Demóstenes é o único nome que realmente trabalha, que procura mudar o Brasil para melhor”, completou.

Depois que deixou o Ministério Público, Berenice optou por auxiliar a prima numa banca de revistas na avenida. Enquanto conversava com Demóstenes, fez questão de pedir para os militantes uma enorme bandeira do senador – e já foi separando espaço na banca para pendurar o material, com o nome de Demóstenes em letras garrafais. “Me aposentei, sou da terceira idade e posso dizer: a terceira idade está com Demóstenes. Foi ele quem fez o Estatuto do Idoso, fora todas as coisas boas que ele realizou nesses últimos oito anos.”

Enquanto Berenice falava com o senador, a irmã, Celine Melo, de 68 anos, chegou na banca de revistas. Novos abraços e declarações de apoio. “O senhor sempre foi o promotor número um. Sempre defendeu o Ficha Limpa, desde os primeiros despachos”, testemunhou Celine, que acompanhava de perto a atividade do senador quando ainda era promotor de Justiça. “Demóstenes é o senador mais íntegro, mais atuante do Brasil”, emendou Berenice. Demóstenes respondeu que a posição das irmãs era algo que lhe proporcionava grande orgulho.

Demóstenes aproveitou uma parada para conversar e provar dos espetinhos vendidos por José Carlos, 47, na barraquinha que ele mantém durante os últimos sete anos na Vila Canaã. O ambulante serviu o senador e os demais clientes enquanto balançava descontraído no ritmo do jingle de Demóstenes. “Acompanho o senhor de todas as formas, seja no Jornal Nacional ou no Chumbo Grosso, do Batista Pereira”, comentou. “E não é porque o Demóstenes está aqui não, mas ele é o único que pode colocar fim nessa roubalheira que virou o País”, disse virando-se para a reportagem.

Um comentário:

  1. MEU AMOR PELO MARCONI E INCONDICIONAL TE AMUUUUUUU D+

    ResponderExcluir